Home Office em Tempos de Pandemia de Covid-19 e as Implicações sobre a Ergonomia no Trabalho Administrativo

  • Filipe Machado Faculdade Senai Roberto Mange.
  • João L. Miranda Faculdade Senai Roberto Mange.
  • Marcela A. Andrade Faculdade Senai Roberto Mange.
Palavras-chave: pandemia., teletrabalho., ergonomia., administração.

Resumo

A pandemia de COVID-19 impactou comportamentos, relacionamentos e trabalho.
O teletrabalho se tornou fundamental para evitar a disseminação da doença. O objetivo
deste artigo foi compreender os aspectos ergonômicos em trabalhadores do setor
administrativos no teletrabalho. Trata-se de um estudo de revisão bibliográfica integrativa,
a busca realizada em bases de dados com descritores. Os critérios de seleção dos artigos
foram baseados em data, população e palavras-chave. Inicialmente, eram 56 artigos e,
conforme os critérios, passaram a ser 17 artigos. Concluiu-se que o setor administrativo
vem adequando-se ergonomicamente, embora ainda haja dificuldades quanto à gestão e
à segurança e saúde.

Referências

OMS. A Organização Mundial da Saúde afirma que COVID-19 é

agora caracterizado como pandemia. 2021.

BRASIL. Medida provisória nº 927, de 22 de março de 2020. Diário

Oficial [da] República Federativa do Brasil, Poder Executivo. Brasília,

DF, 22 mar. 2020. Seção 1, p. 1.

TST. Teletrabalho O trabalho de onde você estiver: Entenda o que

é o teletrabalho, conheça os direitos relacionados e veja dicas. Material

Educativo, 1. ed, dezembro de 2020.

VEIGA, N. Henrique; TEN, Yan Z. L. Figueiredo; MACHADO, V.

Paes; FARIA, M. Guimarães de A., NETO, M. de Oliveira; DAVID,H.

M. Scherlowski Leal. Teoria da adaptação e saúde do trabalhador

em Home Office na pandemia de COVID-19. Revista Baiana De

Enfermagem‏ .v. 35 (2021).

BRASIL. Lei nº 13.467, de 13 de julho de 2017. Altera a

Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovada pelo Decreto-Lei

nº 5.452, de 1º de maio de 1943, e as Leis nºs 6.019, de 3 de janeiro de

, 8.036, de 11 de maio de 1990, e 8.212, de 24 de julho de 1991, a

fim de adequar a legislação às novas relações de trabalho. Diário Oficial

da União, 2017.

ALVES, Amanda; PIRES, Matheus. Os Direitos trabalhistas em

home office em face à pandemia da COVID-19. Bagé - RS: Universidade

Federal do Pampa, maio de 2020.

MENDES, Ricardo A. de Oliveira; OLIVEIRA, Lucio C. D.;

VEIGA, Anne G. B. A viabilidade do teletrabalho na administração

pública brasileira. Braz. J. of Develop., Curitiba, v. 6, n. 3, p. 12745-

, mar. 2020.

BANCO de dados. Abencat. São Paulo - SP, 05 de agosto de 2021.

MESQUITA, Driely F.; SOARES, Mirelle I. Ergonomia na era do

teletrabalho: impactos para a saúde e segurança do trabalho. Lavras -

MG: Unilavras - Centro Universitário de Lavras, pg. 1-15, nov. 2020.

OIT. Teletrabalho durante e após a pandemia da COIVID-19: Guia

prático. Bureau Internacional do Trabalho - Genebra, jul 2020. ISBN

-972-704-443-6 (web pdf).

MELICIO, Rose K. I. S. da C., NETO, L. O. C. Uma reflexão

sobre a prática do home office no cenário da pandemia COVID19. XL

ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO,

Enegep: Foz do Iguaçu - PR, 20 a 23 de outubro de 2020.

OLIVEIRA, Martha M. Veras. Ergonomia e o teletrabalho a

domicílio. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal de Santa

Catarina. Florianópolis, pg. 1-90, agost. 1996.

ABERGO. v. 2, n. 1 (2004).

SOUZA, Dulce América de. Ergonomia aplicada [recurso eletrônico]

/ Dulce América de Souza; [revisão técnica: Sabrina Assmann Lücke].–

Porto Alegre: SAGAH, 2018.15. ILDA, Itiro. Ergonomia - Projeto e

produção. 2. ed. São Paulo: Blucher, 2005.

ILDA, Itiro. Ergonomia - Projeto e produção. 2. ed. São Paulo:

Blucher, 2005.

CORRÊA, V. Morais; BOLETTI, R. Rosner. Ergonomia:

Fundamentos e Aplicações. 1. Ed. Porto Alegre: Bookman, 2015. p.

-144.

IEA - International Ergonomics Association. Definition and domains

of ergonomics. [S.l.]: IEA, [2007].

ABRAHÃO, Júlia Issy; SZNELWAR, Laerte; SILVINO, Alexandre;

SARMET, Maurício; PINHO, Diana. Introdução à ergonomia: da prática

à teoria. [S.l: s.n.], 2009.

ROBERTSON, Michelle M.; SCHLEIFER Lawrence. M.; HUANG,

Yueng H. Examining the macroergonomics and safety factors among

teleworkers: development of a conceptual model. Rockville, Maryland,

USA. 2021.

MENDES, Diego Costa; FILHO, Horacio N. H. TELLECHEA,

Justina. A realidade do trabalho home office na atipicidade pandêmica.

Revista Valore, Volta Redonda, 5 (edição especial): 160-191., 2020.

REPULA, Aline; SILVA, Elvis Meira; MOTTA, Mônica C., A. de

Lima. O papel da administração de recursos humanos diante das crises.

ConBRepro. 2021

ARGUS, M., PÄÄSUKE, M. Effects of the COVID-19 lockdown

on musculoskeletal pain, physical activity, and work environment in

Estonian office workers transitioning to working from home. Work. 2021;

p.741-749.

. KAUSHIK, Meenakshi; GULERIA, Neha. The Impact of Pandemic

COVID -19 in the Workplace. Article in European Journal of Business

Management and Research, maio de 2020.

DALLABRIDA, Priscilla R. Iriguchi. Home office uma alternativa

segura diante da pandemia (covid-19) administração e finanças. Rio de

Janeiro - RJ: Universidade Estácio de Sá (Estácio), v.1, pg. 1-21.

OLIVEIRA, Matheus; KEINE, Sandro. Aspectos e comportamentos

ergonômicos no teletrabalho. Revista Produção Online. Florianópolis,

SC, v. 20, n. 4, p. 1405-1434, 2020.

LUCAS, André do C.; SANTOS, Rayane L. O trabalho remoto na

administração pública brasileira: desafios e perspectivas. Revista IberoAmericana de Humanidades, Ciências e Educação. São Paulo, v.7.n.4.

Abr. 2021.

ANTUNES, Evelise Dias et al. Home office, teletrabalho ou trabalho

remoto? A importância da ergonomia quando o trabalho se mudou para

casa. Engenharia de Produção: Além dos Produtos e Sistemas Produtivos

, [S.L.], p. 149-154, 12 mar. 2021.

FILARDI, Fernando; CASTRO, Rachel Mercedes P. de; ZANINI,

Marco Tulio Fundão. Vantagens e desvantagens do teletrabalho na

administração pública: análise das experiências do serpro e da receita

federal. Cadernos Ebape.Br, [S.L.], v. 18, n. 1, p. 28-46, jan. 2020.

BRIDI, Maria Aparecida; BOHLER, Fernanda Ribas; ZANONI,

Alexandre Pilan. Relatório Técnico Da Pesquisa: O Trabalho Remoto/

Home-Office No Contexto Da Pandemia Covid-19. Curitiba:

Universidade Federal do Paraná (UFPR), Grupo de Estudos Trabalho e

Sociedade, 2020, p.1-46.

ARAÚJO, Tânia Maria; LUA Iracema. O trabalho mudou-se para

casa: trabalho remoto no contexto da pandemia de COVID-19. Revista

Brasileira de Saúde Ocupacional, v.46, pg. 1- 11. Maio de 2021.

REIS, João Paulo C. Ergonomia no ambiente administrativo nos

moldes da NR 17. Anápolis - GO: Centro Universitário de Anápolis –

UniEVANGÉLICA, outubro de 2020, pg. 1-24.

SILVA, Eduardo J. Trocoli da S.; MENDES, Renata W. B. A

preocupação com a ergonomia no serviço público: estudo de caso no

âmbito da administração direta federal. São Paulo - SP: Universidade

Cruzeiro do Sul (UNICSUL), pg. 1-16. 2020.

ARAÚJO, César Larrea; GRANJA, José Ayala; CABEZAS, A.

V. Cabezas; VARGAS, Patricia A. Factores de riesgo ergonómico del

teletrabajo en Ecuador durante la pandemia de COVID-19: un estudio

transversal. Int. J. Environ. Res. Saúde pública 2021, 18, 5063.

NEVES, Simone Emanuelle da Silva. Adaptação do ambiente

doméstico ao trabalho home office durante a pandemia de covid-19.

Mossoró - RN: Universidade Federal Rural do Semiárido, 2020, p.1-60.

SALUM, Fabian; COLETA, Karina; DRUMMOND, Virginia. Novas

formas de trabalhar: as adequações ao home office em tempos de crise.

Material realizado pela Grant Thornton Brasil, abr. 2021.

DUTRA, J. Souza. Pesquisa Gestão de Pessoas na Crise Covid-19.

Realizado pela Fundação Instituto de Administração - FIA, 29 abr. 2020.

Publicado
2022-05-18
Como Citar
Filipe Machado, João L. Miranda, & Marcela A. Andrade. (2022). Home Office em Tempos de Pandemia de Covid-19 e as Implicações sobre a Ergonomia no Trabalho Administrativo. Revista Processos Químicos, 16(30), 69-80. https://doi.org/10.19142/rpq.v16i30.644